Wellington firma parceria com empresas italianas e renova acordo com Universidade de Turim

Cidade Modelo 18 maio 2017 19:15
Acordos fazem parte da agenda internacional do Governo do Piauí na Europa.

Governador Wellington Dias em Turim (Álvaro Carneiro)

Em agenda internacional na Europa, o governador Wellington Dias visitou nesta quinta (18) a Universidade de Turim e o Enviroment Park, ambos na Itália, onde renovou e buscou novas parcerias na área social, da saúde, moradia e saneamento sustentável. A comitiva piauiense contou com o apoio do médico psiquiatra da Universidade de Turim, Pier Maria Furlan, que mantém estreitos e importantes laços de cooperação com o Governo do Estado.

Visitando as instalações do Enviroment Park, um polo empresarial da indústria da tecnologia, inovação e serviços, Wellington participou de reuniões com empresários italianos que dirigem filiais presentes em vários países da Europa. Segundo ele, a visita despertou interesse em pelo menos três áreas de colaboração com o Piauí.

“A primeira delas diz respeito a investimento de investidores de Turim, da Itália, e de outras regiões da Europa na área de energia solar e eólica interessados em leilões e também em investimentos com os pequenos e com o setor público. Vamos trabalhar essa parceria”, contou Dias.

Por outro lado, a visita do governador buscou por alternativas de acesso a fundos de crédito para efetivar as condições de execução de ações na área habitacional, como as do Minha Casa Minha Vida. “O objetivo é garantir recursos com prazos e taxas de juros baixos junto a fundos europeus e com isso ter prestação para Faixa 1,5 para dar conta de 35 mil famílias que estão cadastradas e querendo uma habitação, por conta do programa quase ter paralisado pela falta de recursos do Governo Federal”, apontou o governador do Piauí.

A visita oficial do governador ao Enviroment Park tem como objetivo a realização de parcerias no âmbito da água e esgotamento sanitário. Algumas empresas do polo possuem vasta aparelhagem tecnológica na área. Uma das empresas do agrupamento, a Planeta, já possui um projeto de “smartcity” (cidade inteligente) na cidade cearense São Gonçalo do Amarante, que concilia habitação e sustentabilidade. Dias acertou agenda com os empresários no Piauí para análise de um projeto piloto no Piauí.

“O que discutimos hoje representa uma real oportunidade, casos concretos de potenciais parcerias. Nós discutimos energias renováveis, planos grandes para descentralizar instalações e isso nos permite pensar em grandes companhias, assim com médias e pequenas empresas, fazendo uso dessa tecnologia. Depois falamos do desenvolvimento de smartcities [cidades inteligentes] e possibilidades potenciais. Por último, falamos de tecnologia de água e para comunidades rurais em que acho que podemos investigar em nossa rede potenciais cenários, então pessoalmente eu estou bastante convencido que há possibilidades reais de parceria”, avaliou Davide Damosso, diretor de Inovação e Desenvolvimento do Enviroment Park.

Para Damosso, a visita do governador representa uma oportunidade de internacionalização da tecnologia e da energia limpas. “O contato direto com o governador, hoje, representa algo significativo porque permite que tenhamos um encontro direto com as oportunidades que surgirem no Estado, uma vantagem bem real para nós e nossas companhias”, pontuou.

Cidades Inteligentes

A ideia do Governo do Estado é usar a parceria na área de habitação conciliada com o programa federal Minha Casa Minha Vida no Piauí, nas Faixas 1,5 e 2. “São habitações que variam entre 70 mil e 200 mil reais e é possível fazer com todo um padrão de sustentabilidade na área do tratamento de resíduos sólidos e de esgotamento e água, e de energia solar. Queremos ter um desenho de cidade inteligente e sustentável. Citei para eles que recentemente estive na localidade de Nova Santa Rosa, em Uruçuí, onde há um desejo de ali ter uma comunidade urbana que envolve o setor privado. Eles estão investindo nessa experiência piloto no Ceará cerca de R$ 60 milhões, que também tem uma participação com o Minha Casa Minha Vida”, mencionou Dias.

Pesquisa em parceria

Na Universidade de Turim, Dias renovou parcerias com a instituição para a área social. O Governo do Piauí reafirmou colaboração com o centro de pesquisa no âmbito da pesquisa e formação em saúde mental. “A universidade de Turim tem uma experiência que é referência no mundo para tratar de, por exemplo, de prevenção ao suicídio, dos efeitos da droga e da dependência química no cérebro que causam problemas mentais. Como tratar de pessoas que chegam ao nosso sistema penitenciário e que tem de tratar de um problema mental? Então vamos envolver várias áreas do estado nessa colaboração”, explicou.

A  Universidade Estadual (Uespi) e a Universidade Federal (UFPI) juntamente com o fundo de pesquisa do Estado deverão auxiliar na colaboração internacional que vai buscar conciliar pesquisa e qualificação. Secretarias de Estado como as de Saúde, de Justiça, de Assistência social e de educação serão integradas com formação e qualificação.

Autoria: Redação Ccom

Publicidades

  • pao e cafe noticias
  • omega noticia
  • ki preço noticia
  • coleta rr noticias ok
  • faculdade noticia
  • memorial noticias
  • machado noticia
  • armazem do povo noticia
  • mamba metal noticia

Deixe seu comentário